Temperaturas acima da média até o final do ano, prevê a meteorologia

Não se trata de ser apenas sensação térmica. Os termômetros estão marcando temperaturas cada vez mais altas, o que já foi comprovado no período de janeiro a agosto último, que em média a máxima alcançou 27,3°C, superior a outros períodos da série histórica.

De acordo com dados do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), no mesmo período, de 1991 até 2020, a média máxima foi de 26,3°C. Se recuarmos entre 1961 e 1990, foi de 25,9°C.

Se a máxima subiu, a mínima também percorreu o mesmo caminho. Neste caso, conforme avaliação do Instituto Climatempo, a menor temperatura média registrada na cidade foi de 9°C este ano, ante 6,4°C em igual intervalo de tempo no ano passado.

Segundo os meteorologistas, alguns fatores podem ser citados por contribuir com o aumento das temperaturas previstas para Mairiporã: o primeiro deles é o aquecimento global, que acontece em todo o mundo, além do El Niño e La Niña, fenômeros que se caracterizam por mudanças da temperatura dos oceanos, que provocam consequências no clima.

No caso do El Niño, em vigência no momento, ele eleva as temperaturas no Sudeste do País, o que explica o calor sentido pelos mairiporanenses este ano.

Os institutos de meteorologia afirmam que o calorão vai continuar, com previsão de temperaturas acima da média pelo menos até o final do ano.

Fim de semana – Neste sábado e domingo o calor vai imperar, com temperaturas máximas acima dos 30°C.

Para este sábado, dia de sol com nuvens e névoa ao amanhecer. Calor fica forte à tarde, e noite de céu aberto. Mínima de 12°C e máxima de 30°C, com umidade relativa do ar baixíssima, 15%, ventos de 15 km/h, não chove.

O domingo vai amanhecer com sol entre nuvens, mínima de 15°C, mas a temperatura máxima sobe até 32°C, com muito calor, sem previsão de chuva. Ventos de até 15 km/h e umidade relativa do ar ainda baixa, 22%, tempo muito seco.

A semana vai começar com temperaturas mais altas, mínima pela manhã de 16°C, sol com alguma nuvens, sempre previsão de chuva e máxima que vai chegar a 33°C, tempo seco, umidade do ar de 18% e ventos que podem chegar a 17 km/h. (Da Redação)