Praças e espaços de lazer ‘conectam ’ mundo real ao virtual

PRAÇAS e espaços de lazer pela cidade se transformaram em ponto de convergência de crianças, adolescentes e adultos em Mairiporã. O mundo real se ‘conecta’ ao virtual por conta dos caçadores de pokémons e também pela oportunidade de se chegar à internet via wi-fi público instalado pela Prefeitura.
A febre da caça ao Pokémon na cidade apresenta um número cada vez mais crescente de crianças, adolescentes e jovens que se reúnem nesses locais abertos onde, segundo dizem, o sinal é bom para se adentrar ao mundo virtual. Muitos se sentem verdadeiros ‘Indiana Jones’ quando o assunto é caçar.
Disputas sadias entre esses jovens também são a marca dessa nova prática, que só tem hora para começar. Há dias que nem a ameaça de chuva impede o encontro e as disputas.
Ampliar – A Secretaria da Educação e Cultura poderia utilizar esses espaços, diante da presença de bom público, para a apresentação de outras manifestações culturais. A proposta de apenas aproveitá-los somente para a caça ao Pokémon Go, que chegou ao Brasil no dia 3 de agosto último, poderia incluir atividades paralelas e atrair um novo público, bem como desafiar quem já admira a arte e usar esse novo conceito de visualização.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *