Mais de 500 crianças esperam vagas em creches

MAIRIPORÃ continua com graves problemas em relação a vagas nas creches para atender a demanda de crianças. E sem acesso à rede pública universalizada, as mães trabalhadoras com filhos pequenos, e aquelas que pretendem ingressar no mercado de trabalho, sofrem uma série de exclusões, o que prejudica não só o orçamento doméstico, mas também a inserção e o desenvolvimento profissional feminino.
A falta de local para deixar as crianças atrapalha, ou até impede, que trabalhadores com filhos pequenos – majoritariamente mulheres, pois são elas as que mais se responsabilizam pela prole – se insiram, se mantenham e avancem no mercado.
Os últimos números divulgados pela Prefeitura, através da Imprensa Oficial, mostram que 545 crianças não conseguem vaga nas unidades ofertadas pela Prefeitura. Esse total está dividido entre a região central da cidade (267), o distrito de Terra Preta (207), o bairro Jardim Spada (53) e a região do Parque Petrópolis (18).
A Municipalidade não fala sobre o assunto, limitando-se a publicar, por força de dispositivo legal, o número de crianças que estão no aguardo de vaga.

Comentários