USF-Bragança conquista nota máxima do MEC com o curso de medicina

O curso de Medicina da Universidade São Francisco (USF) conquistou a nota 5, avaliação máxima no Conceito de Curso (CC) do Ministério da Educação (MEC). A visita foi realizada no Campus Bragança Paulista no mês de novembro.

Os representantes do MEC avaliaram as seguintes dimensões: organização didático-pedagógica, corpo docente e infraestrutura. Foram visitadas todas as instituições conveniadas parceiras do curso como Hospitais, UBS e ESF. “Os avaliadores ficaram impressionados com o envolvimento dos docentes e alunos no processo de ensino-aprendizagem. O curso tem também forte inserção na comunidade, tendo um papel fundamental no atendimento à população de Bragança e região”, afirmou o coordenador do curso, professor Luiz Fernando Ribeiro da Silva Paulin.

A nota 5 é a avaliação máxima do MEC e coloca o Curso de Medicina da USF no patamar das grandes escolas médicas do país. O Curso da USF tem uma história de 40 anos no ensino superior brasileiro. Entre os diferenciais que resultam na nota máxima destaca-se que desde o início da graduação, o estudante é provocado a desenvolver suas habilidades no moderno Complexo do Centro de Simulação Realística e Laboratório de Habilidades.

A USF também é pioneira na consolidação do Coapes Regional, articulando poder público, cursos da área da saúde e instituições de ensino no aprimoramento do Sistema Único de Saúde (SUS) em atenção à Lei do Programa Mais Médicos e, principalmente, promovendo melhores condições de atendimento à população.

A internacionalização é outro fator importante. O curso faz parte do seleto grupo de escolas de medicina brasileiras que possuem o Medical Board da Califórnia, convênio americano para que alunos formados sejam habilitados a solicitar reconhecimento do diploma de médico nos EUA. Outro convênio importante no exterior é com a Universidade de Ghent, na Bélgica, referência em Saúde Coletiva. A USF recebe e envia estudantes e professores, possibilitando o diálogo contínuo com a instituição referência mundial em saúde coletiva, que permite a troca de experiências entre os alunos dos dois países. (Da Redação)

Comentários