Vereadores votam Orçamento 2019

A DISCUSSÃO e votação da LOA (Lei Orçamentária Anual), que estima para o exercício de 2019 despesas e receitas de R$ 255 milhões para o município, só deve ocorrer na penúltima sessão do ano, em 4 de dezembro. O prazo para apresentação de emendas ao texto original termina neste final de semana.
A proposta do Executivo passa pelas comissões permanentes antes de chegar ao plenário, e embora existam críticas ao resultado final produzido pela equipe econômica do prefeito, inclusive de que a peça é obra ficcional, pois o governo pode mudar o que lhe convier através de transposições, a aprovação parece certa e sem a expectativa de que emendas sejam apresentadas, inclusive pelos vereadores.
O montante previsto entre receita e despesa sinaliza que a Prefeitura vai ter pouquíssimos recursos para investimento, o que prenuncia a dependência de verbas de outras esferas, que não contemplam a cidade como ela precisa.

Comentários