Faltando 18 dias para o prazo final, 1.230 eleitores não regularizaram o título

A 18 DIAS do prazo final dado pela Justiça Eleitoral para a regularização do título de eleitor aos que não votaram nem justificaram ausências nas três últimas eleições, Mairiporã ainda tem 1.230 eleitores que podem ter o documento cancelado.
Quem não resolver a situação dentro do prazo terá o título de eleitor cancelado, o que acarretará impedimento para se obter passaporte, inscrever-se em concurso público, assumir cargo ou função pública, renovar matrícula em estabelecimentos oficiais de ensino, obter empréstimos em bancos oficiais e até mesmo receber salário (em caso de servidor público), entre outros impedimentos, além de impedir o eleitor de se inscrever em concurso público.
O número de eleitores em “débito” com a Justiça Eleitoral em Mairiporã corresponde a aproximadamente 2,2% de todos os eleitores da cidade.
Cartório – Para regularizar a situação, os eleitores com problemas no título eleitoral devem ir ao Cartório (rua Ipiranga, centro) e apresentar documento com foto, que comprove a identidade. Também é necessário levar o título eleitoral, além de comprovantes da votação ou justificativa.
Caso nenhum destes dois itens tenha sido atendido, o eleitor precisará apresentar uma guia de recolhimento de multa. Cada turno do pleito é considerado uma eleição e a Justiça Eleitoral não expedirá nenhuma notificação ao eleitor informando sobre a pendência no cadastro eleitoral.

Fonte: istoe

Comentários