Tribunal Eleitoral quer ampliar biometria no Estado

O TRIBUNAL Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) tem desenvolvido campanhas para incentivar o comparecimento dos eleitores aos cartórios e postos do Poupatempo.
No Estado de São Paulo já são 6.635.362 eleitores aptos a votar com identificação biométrica, o que corresponde a 20,32% do seu eleitorado. Na capital, são 2.624.682 eleitores com biometria, correspondentes a 29,55% do eleitorado.
O objetivo do TRE-SP é cadastrar mais 6 milhões de eleitores com a biometria até o final do ano. Para alcançar tal meta, alguns municípios terão revisão obrigatória do eleitorado com coleta de dados biométricos, visando completar o processo de cadastramento nesses locais.
Desde outubro de 2015 todos os cartórios do Estado estão habilitados a realizar a biometria. Então, o eleitor que procura o cartório para solicitar o título pela primeira vez, fazer a transferência de domicílio eleitoral ou revisão de dados passa pelo cadastramento biométrico, o que inclui a coleta das digitais de todos os dedos das mãos, além de fotografia e assinatura digital, quando disponível.
Agendamento – Para fazer a biometria nos cartórios eleitorais, o eleitor deve obrigatoriamente agendar seu atendimento no site www.tre-sp.jus.br e comparecer ao cartório eleitoral na data marcada, munido de documento com foto, comprovante de residência e o título eleitoral, se tiver. Para o primeiro título dos homens com idade entre 18 a 45 anos é necessário também o comprovante de quitação do serviço militar.

Fonte: tre-sp

Comentários