Setor farmacêutico projeta reajuste médio de 3,4% nos medicamentos

NO MÊS de março deverá ocorrer o reajuste anual no preço dos medicamentos. A indústria farmacêutica, no entanto, antecipa projeção desse reajuste em 3,4%. Mas esse percentual pode mudar, pois o aumento varia de acordo com o produto. Estima-se um reajuste de 1,6% para os medicamentos com mais concorrentes no mercado, enquanto para os mais inovadores deve chegar a 5%. Mas tudo isso deverá levar em conta o índice da inflação de fevereiro.
É levado em conta, no cálculo, fatores como inflação, alta de custo dos insumos e ganhos de produtividade, que são parcialmente descontados.
No ano passado a taxa máxima foi de 12,5%, variação acima da média dos anos anteriores, devido à inflação elevada e à queda de produtividade. A valorização do real, no entanto, promoveu uma desaceleração no aumento de custo das matérias-primas da indústria farmacêutica, o que deverá contribuir para uma taxa menos elevada.

Comentários