Rota das Bandeiras registra passagem de 395 mil veículos pela D. Pedro I durante o feriado

A Concessionária Rota das Bandeiras registrou, até as 17h deste domingo (29), a passagem de pouco mais de 395 mil veículos pela rodovia D. Pedro I (SP-065) durante a Operação Especial de Corpus Christi, que teve início à 0h da última quarta-feira.

O balanço final com o volume de tráfego em todo o Corredor Dom Pedro e o número de acidentes será divulgado na manhã desta segunda-feira, já que a Concessionária manterá a Operação Especial até o fim da noite deste domingo.

O retorno do feriado teve trânsito mais intenso a partir das 16h deste domingo, sobretudo na pista norte (sentido Campinas) da D. Pedro I. Não foi verificado, contudo, pontos de lentidão.

Desde quarta-feira, a Concessionária registrou em todo o Corredor Dom Pedro – formado por estradas vicinais e outras quatro rodovias, além da D. Pedro I – 21 acidentes, com quatro pessoas feridas e uma morte. O acidente fatal foi registrado na rodovia dos Agricultores, em Valinhos, na tarde de quinta-feira. Segundo a polícia, um veículo tentou uma conversão proibida e ocasionou o acidente do motociclista. O motorista não parou para prestar socorro.

Durante a Operação Especial, a movimentação nas estradas é acompanhada pelas 79 câmeras de monitoramento do Centro de Controle Operacional (CCO) da Concessionária. Além disso, veículos de inspeção circulam permanentemente pelas rodovias para atender a qualquer tipo de ocorrência emergencial.

Para auxiliar os usuários de uma forma mais ágil em casos de socorros médicos e mecânicos, guinchos e ambulâncias permanecem posicionados em pontos estratégicos do Corredor Dom Pedro. Os motoristas que desejarem os serviços da Concessionária devem ligar para o telefone 0800-770-8070. O serviço é gratuito e funciona 24 horas. As rodovias também contam com telefones de emergência a cada 1km, de onde é possível solicitar o auxílio.

A Rota das Bandeiras é uma empresa da Odebrecht Rodovias, que reúne os investimentos da Odebrecht TransPort em concessões rodoviárias. A Odebrecht TransPort desenvolve, implanta e opera projetos nas áreas de mobilidade urbana, portos, aeroportos e sistemas integrados de logística.

Fonte: O atibaiense

Comentários

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *